sexta-feira, 20 de fevereiro de 2009

Como se cria uma estrela?


Telmo Moreira é um jovem oeirense, que está brilhantemente a conquistar a sua carreira de bailarino profissional numa reputada escola europeia - a Academia Vaganova de S. Petersburgo. No início do seu percurso, encontramos uma passagem pelo Projecto Batoto Yetu, uma associação sem fins lucrativos que envolve jovens numa actividade artística de elevada exigência (dança africana) com uma componente fortemente pedagógica / educativa / social.

Oeiras 21+ congratula-se com as notícias sobre os seus êxitos, e lança o desafio para uma reflexão sobre os factores que podem dar condições aos jovens do concelho de plenamente expressarem as suas ambições e concretizarem as suas potencialidades. O que podemos fazer para se poderem contar muitas outras histórias como a do Telmo?

1 comentário:

golfinho disse...

atraves de mais associaçoes culturais com a Batoto Yetu, e mais apoios socais